domingo, 23 de fevereiro de 2014

VÍDEO SOBRE COOPERAÇÃO NA SUPERAÇÃO DOS PROBLEMAS, AJUDA MÚTUA, VALORES.

Oração da Campanha da Fraternidade de 2014

Oração da Campanha da Fraternidade de 2014


Ó Deus, sempre ouvis o clamor do vosso povo
e vos compadeceis dos oprimidos e escravizados.
Fazei que experimentem a libertação da cruz
e a ressurreição de Jesus.
Nós vos pedimos pelos que sofrem
o flagelo do tráfico humano.
Convertei-nos pela força do vosso Espírito,
e tornai-nos sensíveis às dores destes nossos irmãos.
Comprometidos na superação deste mal,
vivamos como vossos filhos e filhas,
na liberdade e na paz.
Por Cristo nosso Senhor.
AMÉM!


DINÂMICA: O NÓ DO AFETO

DINÂMICA: O NÓ DO AFETO


Objetivo: Refletir sobre a educação familiar e os resultados da obediência ou não aos ensinamentos dos pais.


Material:
01 lenço grande ou um lençol
Cópia do Texto “O Nó do Afeto” para cada aluno


Procedimento:
- Organizem os alunos em círculo.
- Solicitem para que os alunos exponham como foi sua educação familiar e quais os frutos que durante a vida tem colhido devido a obediência ou não aos ensinamentos dos seus pais, fazendo referência as palavras no centro do círculo.
- Depois, distribuam para cada aluno 01 cópia do texto “O Nó do Afeto” e em seguida realizem a leitura.
- Depois, apresentem um lenço ou lençol e falem que passará de mão em mão. Cada pessoa deverá dar um nó no lençol e falar sobre a forma como eles se sentem ou sentiam a presença, o cuidado e o carinho dos pais.
Orientem para que os alunos sejam breves em suas palavras para que todos os alunos tenham a oportunidade de socializar com o grupo.
- Para concluir, leiam Sl 2.12 “Beijai o filho, para que se não ire, e pereçais no caminho, quando em breve se inflamar sua ira”

Terminar com um canto sobre Família ou preces

 

DINÂMICA DO NÓ HUMANO

NÓ HUMANO

Objetivo: Integração da igreja e organização para cumprirem a missão dada por Cristo.


Tempo estimado: 10 minutos

              Acolha seus alunos e diga que eles tem uma missão a cumprir, peça a todos que façam um círculo de mãos dadas. Após a formação do círculo peça para cada um olhar bem a pessoa que está a sua direita e a esquerda, deixe-os conversar por um minuto.

                Logo depois, pergunte: Vocês já sabem quem está à sua direita e sua esquerda? Por exemplo, a minha mão direita está na mão esquerda de fulano e a minha mão esquerda está na mão direita de sicrano. Diga para eles que não podem esquecer. (Diga para eles que é muito importante saberem quem está ao lado para a atividade dar certo).

             Após isso, Diga para que andem aleatoriamente PELA SALA DURANTE A EXECUÇÃO DA MÚSICA. Explique que quando A MÚSICA PARAR todos devem FICAR onde estão. Parados onde estão, sem sair do lugar, devem dar as mãos como estavam na primeira formação (lembre as pessoas de não trocarem as mãos, ou seja, quem estiver na sua mão esquerda e a direita). Isso fará um “nó humano”. Então, você pede para que, sem soltar as mãos, refaçam a formação original do círculo.
              Isso exigirá muito espírito de equipe, colaboração, ajuda mútua e parceria. ENFATIZAR REFLETINDO que NINGUÉM conseguiu resolver a situação sozinho.
           Fale que devemos estar sempre VOLTADOS PARA Cristo e em   união na Igreja do Senhor ajudando e levantando os cativos, pregando e ensinando o evangelho, buscando almas para o Reino de Deus e complementando uma missão integral que foi outorgado pelo Senhor nosso Deus.
             Leia 1 Co 12.11-25 e fale sobre a unidade da igreja para podermos cumprir o Ide de Jesus (Mateus 28.19)


DINÂMICA "A CASTIDADE"



CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2014

DINÂMICAS DO CURSO DE FORMAÇÃO DO DIA 22/02/14






DINÂMICA  A CASTIDADE.


MATERIAL:  -UMA BANDEJA GRANDE
                        8 LARANJAS BEM ESCOLHIDAS
                        COPOS DESCARTÁVEIS
                        UMA JARRA COM SUCO DE LIMÃO SEM AÇÚCAR (bem forte e azedo).

Obs:ESSA DINÂMICA DEVERA SER FEITA SOMENTE PARA CRISMANDOS.


PRIMEIRO PASSO.


ANTES DE COMEÇAR A DINÂMICA,  O CATEQUISTA DEVE RESALTAR ALGUNS PONTOS   PARA QUE OS CATEQUIZANDOS  REFLITAM SOBRE O TEMA.

1 NOSSO CORPO:

DEVEMOS CONHECER NOSSO CORPO E ENTENDER A FUNÇÃO E SEU SINAL DE INTELIGÊNCIA E INTEGRAÇÃO HUMANA, SEMPRE IGNORANDO A MALICIA, OS TABUS, BRINCADEIRAS DE MAU GOSTO E AS CONSEQUENCIAS DESAGRADÁVEIS. DETERMINAR QUE “DEUS CRIOU O HOMEM À SUA IMAGEM E SEMELHANÇA, CRIOU-OS HOMEM E MULHER” (GN 1,27).

2 SEXO
 É A CONFIGURAÇÃO FISICA QUE DIFERENCIA E DEFINE O HOMEM E A MULHER, É SIMPLESMENTE A FORMA QUE DEUS FEZ PARA DAR CONTINUIDADE AOS SERES HUMANOS ESTIPULANDO A DIFERENÇA E A FUNÇÃO DO SEXO MASCULINO E FEMININO.

3 SEXUALIDADE
 É A DIMENSÃO TOTALIZANTE E INTEGRADORA QUE ABRANGE TODO O NOSSO SER. RESUMINDO É O CONJUNTO DE SENSAÇÕES E SENTIMENTOS QUE ME IMPULSIONAM NA BUSCA DO OUTRO. É A MINHA SEXUALIDADE QUE ME MOVE PARA O AMOR. O MEU PRÓPRIO AMOR A DEUS PASSA PELA ESTRUTURA DA SEXUALIDADE. EU AMO COMO MULHER, COMO HOMEM. A SEXUALIDADE NÃO SE REDUZ SIMPLESMENTE AOS ORGÃOS SEXUAIS.

4 ÓRGÃOS GENITAIS
 É O CONJUNTO DE ORGÃOS E GLÂNDULAS (HIPÓFISE, HIPOTÁLAMO, TIREÓIDE, SUPRA RENAL) QUE TEM A FUNÇÃO DE CAPACITAR HOMENS E MULHERES PARA A PRATICA SEXUAL SAUDÁVEL.

NO HOMEM PODEMOS CITAR ORGÃOS GENITAIS EXTERNOS BOLSA ESCROTAL CONTENDO TESTÍCULOS E O PÊNIS E OS ORGÃOS GENITAIS INTERNOS COMO PRÓSTATA, VESÍCULA SEMINAL, CANAIS DEFERENTES.

 NA MULHER CITAMOS ÓRGÃOS EXTERNOS COMO VAGINA E CANAL VAGINAL E INTERNOS TEMOS O ÚTERO, OVÁRIO E TROMPAS.
  
PERFEITO NÃO É? SÓ PODERIA SER CRIAÇÃO DE DEUS.

5GENITALISMO
É O USO E O ABUSO DOS ORGÃOS GENITAIS, É SIMPLESMENTE A SEXUALIDADE REDUZIDA AO SIMPLES PRAZER SEM RELAÇÃO DO AMOR.  HOJE O GENITALISMO É QUASE QUE UM DOENÇA UNIVERSAL ENTRE JOVENS E ADULTOS.

6 CASTIDADE
PODEMOS AFIRMAR O SIGNIFICADO DA PALAVRA CASTIDADE COMO A CORRETA VIVÊNCIA DA SEXUALIDADE. NÃO QUER DIZER PURITANISMO E NEM FUGA DE ALGUMA COISA, É SIMPLESMENTE ABSTER-SE DE ATOS GENITALISTAS COMO MASTURBAÇÃO, RELAÇÃO SEXUAL ANTES DO CASAMENTO, E ATOS SEXUAIS PRATICADO APENAS POR PRAZER E COM QUALQUER PESSOA.

SEGUNDO PASSO.

EXPLICAR PARA SEUS CATEQUIZANDOS OS MAUS DE PECAR CONTRA A CASTIDADE
FALAR SOBRE GRAVIDEZ PRECOCE
FALAR SOBRE O MAU QUE PODE TRAZER O INCENTIVO DA CAMISINHA E O NÃO INCENTIVO DA CASTIDADE
FALAR SOBRE OS VALORES DE UM NAMORO SANTO E CASTO
FALAR DAS CONSEQUENCIAS DO GENITALISMO E EXPLICAR PRINCIPALMENTE QUE O PECADO PARECE SER LINDO
EXPLICAR QUE O NOSSO CORPO É O TEMPLO DO ESPIRITO SANTO


FINALMENTE A DINÂMICA.
DEIXAR DESDE O COMEÇO DO ENCONTRO A BANDEJA COM AS LARANJAS BEM LIMPAS E BONITAS CHAMANDO ATENÇÃO DE TODOS, MAS NÃO FALAR O PORQUÊ DELAS.


REUNIR TODOS EM VOLTA DE UMA MESA ONDE TENHA ACABADO DE EXPLICAR O ASSUNTO BEM DETALHADO.


DAR UM COPINHO DESCARTAVÉL PARA CADA UM.

TER UMA JARRA CHEIA DE SUCO DE LIMÃO SEM NENHUM AÇUCAR, BEM AZEDO E FORTE, DE PREFERENCIA ARRUMAR LIMÕES BEM MADUROS PARA FAZER O COM QUE O  SUCO SE PAREÇA COM O SUCO DE LARANJA.

ENCHER OS COPINHOS DE CADA UM, EXPLICANDO QUE NÃO É   PARA TOMAR. ANTES, MANDAR ELES CONTEMPLAREM AS LARANJAS, PERGUNTAR SE TODOS ACHARAM AS LARANJAS BONITAS, PERGUNTAR SE ELES GOSTAM DE LARANJA, FALAR DA BELEZA DAS LARANJAS, VITAMINA...
-APÓS TODOS TEREM APRECIADO E CONTEMPLADO AS LARANJAS PEDIR QUE TOMEM O SUCO QUE VOCÊ MESMO SERVIU.

-A REAÇÃO DELES NÃO VAI SER BOA PORQUE ALGUNS IRÃO CUSPIR OUTROS TALVEZ ATÉ TOMARÃO MAS NÃO GOSTARÃO,
 GERALMENTE TODOS   VÃO ESTAR TÃO FIXADOS NA BELEZA DA LARANJA QUE ACABARÃO TOMANDO O SUCO DE LIMÃO AZEDO ACHANDO QUE É SUCO DE LARANJA.



MORAL ESPIRITUAL DA DINÂMICA.


EXPLICAR PARA ELES QUE NEM TUDO QUE É BONITO AOS OLHOS E AOS NOSSOS DESEJOS PODE SER BOM PARA NOSSO CORPO E A NOSSA ALMA

VIVER UMA VIDA SEM RESPEITAR A CASTIDADE MUITAS VEZES PODE PARECER BONITO E ESTAR NA MODA, MAS PECANDO CONTRA A CASTIDADE PODEREMOS ACABAR INGERINDO EM NOSSAS VIDAS UMA AMARGA E TRISTE REALIDADE.
EM MUITOS CASOS DEIXAM MARCAS, CICATRIZES PARA SEMPRE, PORTANTO VALORIZE ESSE VALIOSO MANDAMENTO QUE É “NÃO PECAR CONTRA A CASTIDADE”
 VALE MUITO A PENA VIVER CASTO, POIS VALORIZA O CASAMENTO.
QUANDO NOS TRATAMOS COM   AMOR NÃO AGREDIMOS O NOSSO CORPO QUE DEUS FEZ PARA QUE SEJAMOS TEMPLO DO ESPIRITO SANTO.


“NEM TUDO QUE RELUZ É OURO”







CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2014 Prevenção ao Abuso Sexual Infantil





CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2014

SEGUE O VÍDEO SOBRE PREVENÇÃO AO ABUSO SEXUAL INFANTIL QUE FOI PASSADO NA NOSSA FORMAÇÃO
:








TEM OUTRAS SUGESTÕES:







ESTE VÍDEO TRABALHA OS DEZ MANDAMENTOS E COMO IR PRO CÉU. MUITO LEGAL




NOSSA PRIMEIRA REUNIÃO DO ANO DE 2014



Coloquei aqui os "combinados" da reunião de Coordenação de catequese realizada no mês de fevereiro  de 2014, com o objetivo de que todos os catequistas que acessarem o blog possam ter conhecimento.


VAMOS LÁ


REUNIÃO DE COORDENAÇÃO DA PASTORAL CATEQUÉTICA
08/02/14

Os coordenadores da Catequese das comunidades se reuniram às 13:30 na Matriz, juntamente com a coordenação paroquial e o nosso pároco Francisco para a reunião mensal. Faltaram apenas os coordenadores da Vila Manaus e do Montevideo. Os assuntos tratados foram:

ü  Retiro da Crisma será dia 29/03 e terá início às 16:00.  Os assuntos a serem refletidos neste encontro serão a Campanha da Fraternidade e o Sacramento da Crisma. O seminarista Gabriel falará sobre a Campanha da Fraternidade e foi sugerido dois nomes de pessoas para falar do               sacramento da Crisma.
As 18:30 terá uma palestra para os pais com o Salézio e às 19:30 a Santa Missa com a renovação das promessas do Batismo. Cada comunidade faça um convite escrito para convidar os pais e padrinhos de batismo para a palestra e a Missa. Lembrar de orientá-los quanto à roupa decente com a qual participarão do retiro e da Missa. O mesmo vale para as mães e madrinhas.
As comunidades que irão limpar e preparar o salão no dia 28, às 19:30 são: Matriz, Nova Esperança e Mina União. As comunidades Montevideo, Vila Manaus e São Sebastião organizam e limpam o salão após o retiro.
Cada crismando deve levar lanche e refrigerante para a partilha.
 As fotos continuarão sendo tiradas pelo fotógrafo Kinha para evitar que os pais adentrem o altar tumultuando a celebração. A catequese continua doando uma foto, só que desta vez as fotos que a Catequese doará deverão ser entregues nas mãos do Coordenador da Catequese para que ele, e não mais o fotógrafo, entregue aos pais.


CRONOGRAMA DA CONFISSÃO DOS CRISMANDOS.

Dia 15 de março – sábado as 8:00, Mina União;
Dia 15 de março – sábado as 9:00, São Sebastião;
Dia 15 de março – sábado as 10:30, Montevideo;
Dia 22 de março – sábado as 8:00, Mineira;
Dia 22 de março – sábado as 10:00, Santa Luzia;
Dia 22 de março – sábado as 14:30, Nova Esperança;
Dia 22 de março – sábado as 15:30, Vila Manaus.
OBSERVAÇÃO
Deixem a sala bem preparada para a confissão colocando crucifixo, Bíblia, Água fresca para o Padre e se for calor um ventilador. Os jovens devem chegar meia hora antes do horário para fazerem o exame de consciência que será conduzido pelo catequista. Em breve enviarei sugestão. Lembrar da higiene e do asseio que devemos ter com o corpo que é Morada do Espírito Santo.








IMPORTANTE:
A DATA DA CRISMA MUDOU: VAI SER NO DIA 30/03, NA SANTA LUZIA, AS 10:00(manhã). PEDIR QUE CHEGUEM COM MEIA HORA DE ANTECEDÊNCIA PARA VESTIREM A BATA NO SALÃO E ORGANIZAR AS FILAS PARA A PROCISSÃO DE ENTRADA. SOMENTE UMA PESSOA (OU O PADRINHO OU A MADRINHA) ENTRARÁ COM O CRISMANDO.

ü  No dia 16 de março fomos convidados pela padre para participar da bênção da igreja do Montevideo as 19:00.

ü  A presença nas Missas continuará a ser insistentemente incentivada e teremos o apoio do Padre. Continuaremos a usar a agendinha cuja retirada da quantidade necessária pode ser feita na Secretaria Paroquial a partir do dia 17/02. O padre ensinou que de nada vale participar de tudo durante a semana e não ir à Santa Missa, no sábado ou domingo que é o dia do Senhor.


ü  No dia da missa da Catequese o Coordenador deve avisar o padre que é missa da Catequese e deixar sobre o altar uma lista legível com o nome do catequista e das suas respectivas turmas, pois o padre continuará chamando para apresentá-las à assembleia. No dia da Missa da Catequese podem continuar separando os bancos para os catequizandos, mas os catequistas devem estar sentados cada um com sua turma. Já na missa do Dízimo isso não é necessário.

ü  O padre enfatizou que se cobramos Missa das crianças e jovens, nós somos os primeiros que devemos estar lá. Catequista não pode faltar à Missa. É muito feio. Claro que em casos estritamente necessários isso acontecerá, mas avisem o coordenador com antecedência e justifiquem-se.


ü  O padre falou sobre simplicidade e que no dia de receber os Sacramentos quem deve ser o centro e brilhar é Jesus. A ornamentação continuará como vínhamos fazendo: obedecendo a Liturgia, com simplicidade para não ofuscar a atenção que deve estar centrada em Cristo.

ü  Se a criança faltar na Missa ou na Catequese deve-se imediatamente entrar em contato com seus responsáveis para saber o que aconteceu e não deixar acumular faltas para depois conversar com a família. Isso gera desconforto e até confusões para o catequista. Façamos este esforço!

ü  As Primeiras Eucaristias serão desvinculadas das festas, a não ser que a comunidade queira que seja junto com a festa do Padroeiro. O retiro da Eucaristia não mais acontecerá já que a Renovação das Promessas do batismo será na Missa da Primeira Eucaristia de cada comunidade. Na próxima reunião dia 08 de março, as 14 horas, Nova Esperança marcaremos a data das Primeiras Eucaristias e confissões.

ü  Os crismandos que ingressaram na Crisma II este ano farão a Crisma ainda este ano em dezembro. Na próxima reunião teremos maiores detalhes.

ü  Nossa confraternização de catequistas será feita em momento mais oportuno.

ü  Para as próximas inscrições pedir apenas a lembrança de Batismo para não onerar os pais com muita documentação.


ü  As inscrições da Catequese poderão ocorrer até o último dia de março, após esse período não se inscreve mais crianças e jovens. Prazo encerrado.

ü  Eu, Mari fiz questão de pedir a todos e ao padre para que continuemos com a unificação das comunidades, pois temos que usar a mesma linguagem, o que é válido numa comunidade deve ser o mesmo para a outra. Essa conduta nos une mais, aumenta o nosso sentimento de pertença ao mesmo grupo se fortalece, refiro-me que somos uma única paróquia.

ü  Os catequistas novos, ou os que não tem roteiro diocesano receberão o seu gratuitamente, mas o coordenador tem que enviar a quantidade de cada etapa que precisa, para que possamos comprar. Em nossos encontros devemos continuar usando o roteiro Diocesano. Nos primeiros sábados de catequese aproveitem para conversar bastante com a turma a fim de conhecê-los bem e façam um levantamento exato da quantidade de    roteiros que   irão precisar para as crianças e jovens e assim a Coordenação providenciará o quanto antes. Procurem cobrar primeiro, pois no ano anterior enfrentamos certos problemas em relação a atrasos no pagamento. Ficou muito constrangedor para nossa paróquia e não gostaríamos que o mesmo fato ocorresse este ano. O custo do Roteiro é de R$ 7,00.

ü  Dia 22/02 tem Formação na Matriz sobre a Campanha da Fraternidade e todos  os catequistas estão convidados/convocados  a participar. Levar lanche e refrigerante, além de material para anotações e a Bíblia.

ü  A catequese retorna dia 15/02 e no dia 22/02 não teremos catequese em nenhuma comunidade em função da nossa formação à tarde na matriz, portanto recomeçamos no dia 01/03 com os encontros em seus horários normais.

ü  Façam a festa da Acolhida. Não é necessário fazer logo no dia 15, pode ser depois, mas que haja um acolhimento bem bonito e bem preparado para nossos catequizandos. Cada comunidade define a sua data da Festa e também da missa de abertura da Catequese.

ü  Os encontros com pais e padrinhos continuam, são ricos momentos de catequese adulta e interação entre eles e a igreja na pessoa dos catequistas.

ü  As inscrições para a catequese de adultos serão feitas durante todo o mês de março e inicia na primeira semana de abril cada um na sua comunidade. As que não tiverem procura, não terão esta catequese.

ü  Há 6 vagas para a ESCOLA DIOCESANA DE CATEQUESE, que ocorre todo mês, num domingo o dia todo, , nas cidades vizinhas como Cocal, Turvo, Criciúma ,Meleiro, Araranguá e tem duração de 3 anos. O deslocamento é por conta do cursista, mas a taxa mensal de aproximadamente 20 ou 25 reais por pessoa participante é paga pela igreja. Trazer o nome completo dos interessados, telefone, endereço e e-mail na próxima reunião para o sorteio.

ü  Na próxima semana, após falar com o Padre Francisco, enviarei o rito da Renovação das Promessas do Batismo para que vocês ensaiem com os jovens crismandos, além do rito do dia da Crisma para que saibam a resposta que devem dar ao Bispo no momento da Unção, enviarei ainda a sugestão de Exame de Consciência.

ü   Povo amado como já estou na lida novamente nem sempre atenderei o telefone, por isso me mandem mensagem via celular ou se eu não atender a sua ligação eu a retornarei no momento mais adequado, já que trabalho o dia todo. E-mail também é mais fácil para mim, mas fiquem à vontade para usar o que for mais adequado para vocês. De um jeito ou de outro sempre conseguimos entrar em contato, não é mesmo! Qualquer dúvida estou à disposição para ajudá-los. Por ora é só isso.






BEIJOS A TODOS OS TRABALHADORES DA MESSE!

SEI QUE POSSO CONTAR COM CADA UM DE VOCÊS E COM O NOSSO AMIGO PADRE CHICO  E SEMINARISTA GABRIEL!

terça-feira, 15 de outubro de 2013



....

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Olha só o timão deste ano na Coordenação da Catequese

  1. Padre Alirio
  2. Matriz: Cida e Eliete
  3. Nova Esperança: Eliziane e Adriana
  4. Vila Manaus: Jéssica e Odair
  5. São Sebastião: Morgana e Nilza
  6. Montevideu: Morgana e Letícia
  7. Santa Luzia: Katia e Renata
  8. Mina União: Mari
  9. Coordenadoras paroquiais  Marilene e Mariselma
  10. Secretária: Lize    

Enfim 2013...voltei!

Andei meio sumida, eu sei! O que importa é que voltei.
Estamos juntos outra vez!


Mari

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Confissão: o sacramento que cura!





Já que estamos nos preparando para as Primeiras Eucaristias , nada melhor que nos confessarmos para esta festa tão especial e limpar o nosso coração de todo pecado...


Mas para que possamos nos confessar, vamos aprender um pouco sobre este lindo sacramento de amor e misericordia do Senhor por nós

1. O QUE É A CONFISSÃO? R: Confissão ou Penitência é o Sacramento instituído por Nosso Senhor Jesus Cristo, para que os cristãos possam ser perdoados de seus pecados, e receberem a graça santificante. Também é chamado de sacramento da Reconciliação.

2. QUEM INSTITUIU O SACRAMENTO DA CONFISSÃO OU PENITÊNCIA? R: O sacramento da Penitência foi instituído por Nosso Senhor Jesus Cristo, segundo nos ensina o Evangelho de São João: "Depois dessas palavras (Jesus) soprou sobre eles dizendo-lhes: Recebei o Espírito Santo. Àqueles a quem vocês perdoarem os pecados, ser-lhes-ão perdoados; àqueles a quem os retiverdes, ser-lhes-ão retidos" (Jo 20, 22-23)

3. A IGREJA TEM A AUTORIDADE PARA PERDOAR OS PECADOS ATRAVÉS DO SACRAMENTO DA PENITÊNCIA? R: Sim, a Igreja tem esta autoridade porque a recebeu de Nosso Senhor Jesus Cristo: "Em verdade vos digo: tudo o que ligardes sobre a terra será ligado no céu, e tudo o que desligardes sobre a terra será também desligado no céu"(Mt 18,18).

4. POR QUE ME CONFESSAR E PEDIR O PERDÃO PARA UM HOMEM IGUAL A MIM? R: Só Deus perdoa os pecados. O Padre, mesmo sendo um homem sujeito às fraquezas como outros homens, está ali em nome de Deus e da Igreja para absolver os pecados. Ele é o ministro do perdão, isto é, o intermediário ou instrumento do perdão de Deus, como os pais são instrumentos de Deus para transmitir a vida a seus filhos, como o médico é um instrumento para restituir a saúde física, etc.

5. OS PADRES E BISPOS TAMBÉM SE CONFESSAM?
R: Sim, obedientes aos ensinamentos de Cristo e da Igreja, todos os Padres, Bispos e mesmo o Papa se confessam com freqüência, conforme o mandamento: "Confessai os vossos pecados uns aos outros " (Tg 5,16 ).

6. O QUE É NECESSÁRIO PARA FAZER UMA BOA CONFISSÃO? R: Para se fazer uma boa confissão são necessárias 5 condições: a) um bom e honesto exame de consciência diante de Deus; b) arrependimento sincero por ter ofendido a Deus e ao próximo; c) firme propósito diante de Deus de não pecar mais, mudar de vida, se converter; d) confissão objetiva e clara a um sacerdote; e) cumprir a penitência que o mesmo nos indicar.

7. COMO DEVE SER A CONFISSÃO? R: Diga o tempo transcorrido desde a última confissão. Acuse (diga) seus pecados com clareza, primeiro os mais graves, depois os mais leves. Fale resumidamente, mas sem omitir o necessário. Devemos confessar os nossos pecados e não os dos outros. Porém se participamos ou facilitamos de alguma forma o pecado alheio, também cometemos um pecado e devemos confessá-lo (por exemplo, se aconselhamos ou facilitamos alguém a praticar um aborto, somos tão culpados como quem cometeu o aborto).

8. O QUE PENSAR DA CONFISSÃO FEITA SEM ARREPENDIMENTO OU SEM PROPÓSITO DE CONVERSÃO, OU SEJA SÓ PARA "DESCARREGAR" UM POUCO OS PECADOS?
R: Além de ser uma confissão totalmente sem valor, é uma grave ofensa à misericórdia Divina. Quem a pratica, comete um pecado grave de sacrilégio.

9. QUE PECADOS SOMOS OBRIGADOS A CONFESSAR? R: Somos obrigados a confessar todos os pecados graves (mortais). Mas é aconselhável também confessar os pecados leves (veniais) para exercitar a virtude da humildade.

10. O QUE SÃO PECADOS GRAVES (MORTAIS) E SUAS CONSEQÜÊNCIAS? R: São ofensas graves à Deus ou ao próximo. Apagam a caridade no coração do homem; desviam o homem de Deus. Quem morre em pecado grave (mortal) sem arrependimento, merece a morte eterna, conforme diz a Escritura: "Há pecado que leva à morte" (1Jo 5,16b).

11. O QUE SÃO PECADOS LEVES (ou também chamados de VENIAIS)? R: São ofensas leves a Deus e ao próximo. Embora ofendam a Deus, não destroem a amizade entre Ele e o homem. Quem morre em pecado leve não merece a morte eterna. "Toda iniqüidade é pecado, mas há pecado que não leva à morte" (1Jo 5, 17).

12. PODEIS DAR ALGUNS EXEMPLOS DE PECADOS GRAVES? R: São pecados graves por exemplo: O assassinato, o aborto provocado, assistir ou ler material pornográfico, destruir de forma grave e injusta a reputação do próximo, oprimir o pobre o órfão ou a viúva, fazer mau uso do dinheiro público, o adultério, a fornicação, entre outros.

13. QUER DIZER QUE TODO AQUELE QUE MORRE EM PECADO MORTAL ESTÁ CONDENADO? R: Merece a condenação eterna. Porém somente Deus que é justo e misericordioso e que conhece o coração de cada pessoa pode julgar.

14. E SE TENHO DÚVIDAS SE COMETI PECADO GRAVE OU NÃO? R: Para que haja pecado grave (mortal) é necessário: a) conhecimento, ou seja a pessoa deve saber, estar informada que o ato a ser praticado é pecado; b) consentimento, ou seja a pessoa tem tempo para refletir, e escolhe (consente) cometer o pecado; c) liberdade, significa que somente comete pecado quem é livre para fazê-lo; d) matéria, significa que o ato a ser praticado é uma ofensa grave aos mandamentos de Deus e da Igreja. Estas 4 condições também são aplicáveis aos pecados leves, com a diferença que neste caso a matéria é uma ofensa leve contra os mandamentos de Deus.

15. SE ESQUECI DE CONFESSAR UM PECADO QUE JULGO GRAVE?

R: Se esquecestes realmente, o Senhor te perdoou, mas é preciso acusá-lo ao sacerdote em uma próxima confissão.

16. E SE NÃO SINTO REMORSO, COMETI PECADO? R: Não sentir peso na consciência (remorso) não significa que não tenhamos pecado. Se nós cometemos livremente uma falta contra um mandamento de Deus, de forma deliberada, nós cometemos um pecado. A falta de remorso pode ser um sinal de um coração duro, ou de uma consciência pouco educada para as coisas espirituais. (por exemplo, um assassino pode não ter remorso por ter feito um crime, mas seu pecado é muito grave).

17. A CONFISSÃO É OBRIGATÓRIA? R: O católico deve confessar-se no mínimo uma vez por ano, ao menos para preparar-se para a Páscoa. Mas somos também obrigados toda vez que cometemos um pecado mortal.

18. QUAIS OS FRUTOS DE SE CONFESSAR CONSTANTEMENTE? R: Toda confissão apaga completamente nossos pecados, até mesmo aqueles que tenhamos esquecido. Nos dá a graça santificante, tornando-nos naquele instante uma pessoa santa. Tranqüilidade de consciência, consolo espiritual. Aumenta nossos méritos diante do Criador. Diminui a influência do demônio em nossa vida. Faz criar gosto pelas coisas do alto. Nos exercita na humildade e faz crescer todas as virtudes.

19. E SE TENHO DIFICULDADE PARA CONFESSAR UM DETERMINADO PECADO? R: Se somos conhecidos de nosso pároco, devemos neste caso fazer a confissão com outro padre para nos sentirmos mais à vontade. Em todo caso antes de se confessar converse com o sacerdote sobre a sua dificuldade. Ele usará de caridade para que a sua confissão seja válida sem causar-lhe constrangimentos. Lembre-se, ele está no lugar de Jesus Cristo!

20. O QUE SIGNIFICA A PENITÊNCIA DADA NO FINAL DA CONFISSÃO? R: A penitência proposta no fim da confissão não é um castigo; mas antes uma expressão de alegria pelo perdão celebrado.

Dinâmica de Boas Vindas


 Dinâmica para Boas Vindas


(Durante a narrativa da história o grupo deve fazer gestos a cada vez que aparecerem as palavras)



PAZ – Um aperto de mãoAMOR – bater palmas três vezesSORRISO – uma gargalhada

Boas vindas – Um abraço em todos os amigos. Incentive a turma a fazer os gestos com rapidez, sem retardar o ritmo da narrativa, procurando pessoas diferentes a cada vez que o gesto se repetir.


Narrativa
Era uma vez uma pessoa chamada Amor. Aquela pessoa chamada Amor sonhava sempre com a paz.
Certo dia, descobriu que a vida só teria sentido quando ele encontrasse a paz.
E foi exatamente naquele dia que o Amor saiu a procura da paz.
Chegou ao local onde ia todos os dias e encontrou os seus amigos com um sorriso nos lábios.
Então, Amor começou a perceber que o sorriso dos amigos comunicava a paz.
E percebeu que a paz existe no íntimo de cada pessoa e, para vê-la basta aprender a dar um sorriso.
No mesmo instante, seus amigos perguntaram juntos: Amor, ó Amor! Você sabe onde está a paz?
Ao que ele respondeu: Sim, encontrei a paz.
Ela existe dentro de cada um de nós. Basta sabermos dar um sorriso.
Então, todos os que têm Amor tragam a paz e o sorriso para cá.
E assim, todos ouçam cada um dizer. Bem-vindos!!!

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Catequese e a Natureza

Catequese e a Natureza


“No princípio, Deus criou os céus e a terra”(Gn 1,1).
O homem recebeu de Deus a incumbência de governar, usufruir, guardar e proteger a natureza. A natureza está ao nosso serviço como nós estamos ao seu serviço. A Catequese tem um papel importante nesse processo, como instrumento de conscientização ético e politico de proteção à natureza. E sabemos como as crianças e os jovens são solícitos e sensíveis a esse tipo de evangelização que tem como ideal a proteção da natureza e dos animais.
No final do mês passado realizou-se a RIO 20 e a Cúpula dos Povos onde se discutiu as mudanças climáticas e Justiça Social. Em muitos debates foi reafirmado que a grande responsabilidade pelo aquecimento global e consequentemente pelas mudanças climáticas, recai no modelo de desenvolvimento de nossa sociedade atual, modelo este que possui como um dos seus fundamentos a economia capitalista.
Hoje, fala-se de uma “economia verde” como solução para o problema da natureza, mas isso é apenas uma “nova roupagem”, a fome pelo poder e a devastação criminosa continua de forma inescrupulosa e animal. A economia verde não passa, na realidade, de uma estratégia do capitalismo para continuar sua acumulação e expansão a partir da tentativa de tratar a natureza como uma espécie de “capital natural”, colocando preço em todos os serviços que plantas, animais e o ecossistema como um todo oferecem à humanidade de forma gratuita. É a “precificação” da natureza, e isso já acontece principalmente com a água, que sendo dom da natureza, é nos cobrada.
 A Catequese tem que fazer seu papel profético na comunidade. Mas como? Promovendo debates com órgãos de proteção ambiental, vigiando as empresas da comunidade, promovendo passeatas a favor da natureza e dos animais, plantio de árvores, visitação de conscientização, promover e ensinar a comunidade a fazer a seleção do lixo, promover mutirão de limpeza em rios, ruas e praças...
Muitos podem pensar ser pouco, mas é no pouco de cada um que as grandes coisas acontecem. E nós como cristãos, como Igreja, Catequese temos que dar nosso testemunho. Deus perdoa sempre. O homem perdoa de vez enquanto. Mas, a natureza não perdoa nunca.
Que Deus nosso Pai que nos criou-nos de força para proteger com justiça a nossa natureza, e que a Rainha do céu e da terra proteja com seu manto azul o nosso planeta azul.
Encontramo-nos na oração e na Eucaristia.
Sem. Alex Sandro Serafim.